Se acreditas que dás prazer ao outro, acreditas que controlas o outro.

Se acreditas que controlas os outro, acreditas que podes ser controlado.

Observa-te quanto tempo por dia te dedicas a direccionar a tua energia (Energia de amor por ti, energia de auto confiança, energia de criatividade, Energia de compaixão, Energia de motivação, a TUA energia vital para viveres cá) para PROVARES que tens razão, QUE CONTROLAS-TE e aos Outros.

“ As pessoas que têm medo do amor não têm medo do sexo.

O amor é perigoso; o sexo não é perigoso, pode ser manipulado.

Há agora muitos manuais sobre como fazê-lo.
Você pode manipulá-lo – o sexo pode tornar-se uma técnica.

O amor nunca pode se tornar uma técnica.

Se no sexo você tentar ficar no controle, então nem o sexo o ajudará a alcançar o derradeiro. Irá até um certo ponto e você retrocederá, porque em algum lugar ele também precisa de uma rendição.

É por isso que o orgasmo está se tornando mais e mais difícil.

A ejaculação não é orgasmo, dar à luz a crianças não é orgástico.

O orgasmo é o envolvimento do corpo total:

  • mente,
  • corpo,
  • alma,
  • tudo junto.



Você vibra, o seu ser completo vibra, dos pés à cabeça.
Você já não está no controle; a existência tomou posse de você e você não sabe quem é.

É como uma loucura, é como o sono, é como meditação, é como a morte.”

Osho, Returning to the Source, Capítulo #10
in: http://www.osho.com/pt/highlights-of-oshos-world/osho-on-sex-quotes/

Deixo um video do Osho que mostra, de alguma forma, o motivo de permitirmos manifestar no nosso corpo o Medo:

Devil / Lived
Diabo traduzido em Ingles é Devil. Se lermos de trás para a frente fica LIVED.
LIVED: Tudo o que é Vivido é Divido
DEVIL: Tudo o que não é vivido é Diabo

 

mm

Analista / Programador na empresa GoalMarketing, S.A. | Aluno desta escola viva que é a vida, juntamente com estes milhões de colegas, mestres, despertadores que se permitem (me) despertar e me envolver nesta consciência de tudo e de nada. (escolaviva.eu) | Terapeuta e frequentador do/no espaço ki-madeira.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.